Chegou a hora de falar da praia que elegi a mais bonita do mundo: Whitehaven Beach. Esse paraíso fica localizado na Austrália, no estado de Queensland. O único problema é que você só pode passar algumas horas por lá. Não é permitido dormir na praia. Parece que essa é uma tendência dos paraísos, afinal também não dá para dormir em Maya Bay (até tem o camping, mas isso é outra história).

Eu já expliquei que fui para Whitsundays, fiz de Arlie Beach a minha base e de lá peguei um veleiro de dois dias e uma noite para velejar pelas ilhas da região. Para quem quer conhecer só Whitehaven Beach, dá para pegar um passeio de um dia lá em Arlie Beach, mas acho furada, porque quando você chega a praia já está lotada de turistas. O veleiro foi caro, mas valeu cada centavo. Até hoje deito na cama e consigo visualizar o paraíso chamado Whitehaven Beach.

O que torna o lugar tão especial é que a praia tem uma areia quase 100% sílica. É muito branca, mas muito branca mesmo. Além disso, você nunca consegue tirar duas fotos iguais por lá, por causa da movimentação da maré e da areia. Ou seja, a praia muda de formato todos os dias.

Whitehaven Beach

 

 

É de babar!!!  É um parque nacional, super protegido e se você tentar levar um grão de areia como souvenir, pode levar uma bela multa. Para chegar, você precisa fazer uma trilha no meio de uma mini-floresta  e já aviso que tem cobra no caminho (entre outros bichos peçonhentos), afinal se não tivesse você não estaria na Austrália. Mas a paisagem no final compensa tudo. Bom, acho que as fotos abaixo resumem bem o que é o lugar.

Whitehaven Beach

 

 

 

 

Você fica hipnotizado com a paisagem e depois tem um súbito ataque de felicidade e sai dando uns pulinhos de felicidade. Não é à toa que todo mundo tem uma foto pulando nessa praia. Sim, eu também tenho uma 🙂

Whitehaven Beach

 

 

 

 
Lembrou do seguro viagem? Ele é muito importante e obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado de Schengen e também em Cuba e Venezuela. Nos demais países também é recomendável a contratação, pois não podemos prever incidentes. Leia sobre minha internação na Tailândia. No caso dos Estados Unidos, por exemplo, o custo médico diário de uma internação fica na faixa dos U$2.000 (caríssimo). Para os EUA a contratação de um seguro com cobertura de U$1 milhão não é exagero. Além disso, o seguro é super útil nos casos de cancelamento de viagem e extravio de bagagem (para citar alguns exemplos). Uso o seguro da Assist Card (vendido com desconto pela Real Seguros) há anos. Precisei utilizar 4 vezes durante minha volta ao mundo e sempre fui muito bem atendida. Você pode cotar com eles sem compromisso e, caso opte pela contratação, pode pagar em 6 vezes sem juros no cartão ou com desconto de 5% no pagamento à vista.
Cada vez que você reserva algo com um dos nossos parceiros recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter atualizado e com novas dicas de viagem. Seguro viagem geral 728x90