Home Destinos InternacionaisEuropaFrançaParis Onde tomar brunch em Paris

Onde tomar brunch em Paris

por Fernanda

Atualizado em

Tomar um brunch em Paris é uma experiência que todo mundo deveria ter a chance de fazer pelo menos uma vez na vida. A cidade luz oferece várias opções para o tradicional brunch de domingo. Segui a dica e aproveitei a companhia da minha amiga Martinha do Viajoteca e fomos até o Café de la Paixlocalizado em um dos pontos mais chiques de Paris: a região da Ópera Garnier.

Brunch em Paris: Café de la Paix

Ambiente e decoração

Só para situar, o Café de la Paix é bem frequentado desde sempre. Só para citar algum dos clientes ilustres: Victor Hugo, Oscar Wilde e Charles de Gaulle.

O Café de la Paix fica em um prédio histórico que impressiona de longe. Assim que entrei – admito – fiquei babando. Puro luxo! Aquela decoração parisiense do nosso imaginário, muito dourado, poltronas de veludo vermelho, luminárias incríveis. Parece mesmo um palácio. E tudo isso ainda tem trilha sonora (pelo menos no domingo): um delicioso jazz.

brunch em paris

Um dos salões do Café de La Paix

brunch em paris

Os músicos

Serviço e atendimento

Atendimento impecável. Funcionários super solícitos. A reserva estava no nome da Martinha e assim que chegamos fomos encaminhadas para a nossa mesa. Sentamos um pouco para descansar, pois tínhamos tido um leve stress antes de chegar no Café de la Paix. Ficamos alguns minutos conversando e – nesse meio tempo – nossas taças foram abastecidas com um ótimo champanhe rosé. Ficamos mais um bom tempo conversando e sem levantar para ir até o buffet até que a simpática Linda trouxe alguns quitutes para a nossa mesa – foie gras, blinis (espécie de panqueca), geleia e salmão defumado.

brunch em Paris

brunch em paris

Não como foie gras , mas o comentário é que estava bom

 

brunch em paris

Eu, Linda e Martinha

Le Grande Brunch, cardápio

É difícil falar de um cardápio tão completo. Tem opções para todos os gostos. O cardápio inclui a tradicional mesa de croissant, pães, queijos e frios (tão tradicional em Paris), saladas, comida japonesa, uma ótima seleção de frutos do mar, peixes, carnes, omelete e purê de batatas (o melhor que já comi na vida, tanto é que repeti 3 vezes). É um mix realmente incrível de café da manhã e almoço disposto a agradar os mais variados paladares.

brunch em paris

 

brunch em paris

 

brunch em paris

 

brunch em paris

 

As sobremesas são um capítulo à parte: uma perdição! Costumo dizer que em Paris comemos com os olhos, porque a apresentação de todos os pratos é sempre tão linda e tão chique. Não foi diferente com os doces do brunch do Café de La Paix. O chef Pâtissier do hotel Intercontinental, Dominique Costa, está de parabéns. Me fez arranjar – não sei como – espaço para provar pelo menos cinco dos deliciosos doces.

brunch em paris

 

De balinhas para agradar a criançada (o Café de la Paix é kids friendly) até uma “árvore” de macarons e uma fonte de chocolate passando por deliciosas e – super fotogênicas – tortas. Ah! Esqueci do sorvete caseiro e da salada de frutas. Fiquei maravilhada com aquele colorido todo e feliz por não precisar escolher apenas uma opção, porque uma parecia melhor do que a outra. E todas que comi estavam realmente divinas.

 

brunch em paris

 

 

brunch em paris

 

brunch em paris

 

Se você tiver a oportunidade de provar esse brunch em Paris, ótimo! Melhor escolha! Mas caso não consiga, vale a pena dar uma passada no Café de La Paix nem que seja para tomar um café acompanhado de uma das incríveis tortas. Recomendo!

Informações

Endereço: 12 Boulevard des Capucines – 75009 – Paris (no prédio do Hotel Intercontinental Paris) e muito próximo da Ópera Garnier.

Horário de funcionamento do brunch: todos os domingos das 12h30 às 15h30

Site oficial: Café de la Paix

É recomendável fazer reserva para o brunch.

Leia mais sobre Paris

As Catacumbas de Paris

Sainte-Chapelle e Conciergerie em Paris

Citypharma, a farmácia mais barata de Paris

Roteiro Amélie Poulain em Paris

10 comentários
0

Artigos Relacionados

10 comentários

Jackie 4 de outubro de 2016 - 11:54

Eu AMO brunch. Esse parece maravilhoso, que peninha que na próxima viagem não passo por Paris. Mas ja ta favorito pra quando voltarmos.
bjs,

Reply
Fernanda 4 de outubro de 2016 - 11:55

Eu também adoro brunch e anote sim, porque esse é realmente imperdível 🙂

Reply
Gabi 4 de outubro de 2016 - 12:43

Já quero. Amo brunch, muito muito, e estou com viagem marcada para novembro. Tentarei convencer os demais hahaha!

Reply
Fernanda 4 de outubro de 2016 - 12:56

Esse brunch é dos deuses. Fui publicar antes do almoço e agora estou com vontade de comer purê de batata com salmão e também aquela torta de framboesa de sobremesa. rs
Vá mesmo se puder.

Reply
Laura 4 de outubro de 2016 - 16:31

São 94 euros bem investidos né, porque tudo paree estar divinoooooo..

Reply
Fernanda 4 de outubro de 2016 - 18:19

Foram um dos mais bem investidos da viagem. Tudo estava perfeito.

Reply
Luciana Rodrigues 5 de outubro de 2016 - 10:57

Simplesmente me deu vontade de voltar a Paris A-G-O-R-A só para tomar esse brunch. Nossa! Tudo lindo e deveria estar delicioso. E de quebra ainda tinha a Martinha! Sortudas!

Reply
Fernanda 5 de outubro de 2016 - 11:46

Estava ótimo mesmo 🙂

Reply
Hilda 10 de novembro de 2017 - 21:39

Fernanda, vou a Paris em março. Ficarei no Hotel Du Nord Dr lest – acho que é assim que se escreve –
Na diária do nosso grupo não está incluído café da manhã.
Onde você recomenda tomar café da manhã?
Conhece essa região do hotel?
Comprar baguette e tomar só o café? rsrsrsrs

Reply
Fernanda 11 de novembro de 2017 - 15:34

O que não falta em Paris é lugar gostoso para comer. É fácil encontrar “Boulangeries” por todos os bairros. Uma que gosto bastante e tem varias filiais é a Paul. Mas sou daquelas que gosta de olhar a vitrine, sabe? Então quando vou pra lá, olho a vitrine, entro e compro (isso independente de já ter comido em tal lugar).

Reply

Deixe um Comentário