Home Destinos NacionaisParanáCuritiba Passeio de Trem para Morretes

Passeio de Trem para Morretes

por Fernanda

Atualizado em

Graças ao projeto Curitiblogando, eu tive a chance de voltar para Morretes de trem. A última vez que eu tinha feito esse passeio, eu ainda era criança, ou seja, não lembrava de muita coisa.

Se você está pensando em visitar Curitiba, saiba que é necessário pelo menos 3 dias para conseguir fazer esse passeio, pois você precisará de 1 dia inteiro só para ele. E, como Curitiba tem vários pontos turísticos, você também precisará de pelo menos 2 dias para conhecer todos eles.

Mas, vamos ao que interessa: quem vende o passeio de trem é a Serra Verde Express. Existem 2 tipos de trem. Na ida, nós fomos na litorina e na volta viemos com o trem normal.

Recomendação

Vá de trem e volte de van ou ônibus, assim você terá chance de curtir um pouco Morretes e quem sabe até emendar o passeio para Antonina. Sem contar que a viagem é cansativa, o trem é demorado, ele vai bem devagar para que você possa apreciar a viagem. É legal na ida, mas na volta (principalmente depois do barreado) é cansativo.

Diferença entre a litorina e o trem

Em teoria é o conforto, mas sendo bem honesta, a diferença das poltronas no vagão executivo da litorina e no trem normal é mínima e eu sinceramente achei que não valeu a diferença de preço. Outra diferença é o serviço de bordo que na litorina é open bar. Só que open bar às 9:00 hs da manhã é para os fortes.

Litorina Morretes

Essa é a litorina

Aliás, se estiver realmente disposto a gastar mais dinheiro no passeio, quebre a banca de vez e compre o vagão luxo. Eles oferecem um pacote que inclui ida no vagão luxo da litorina + almoço no restaurante da Serra Verde Express (comi lá e é realmente muito bom), city tour em Morretes e Antonina e retorno para Curitiba com van. Custa R$299 por pessoa. Achou caro? Saiba que só a ida na litorina no vagão luxo custa R$270 por pessoa e no vagão executivo (que eu fui) custa R$123. Ou seja, vale a pena!

Vagão Luxo Litorina

Esse é o vagão luxo. Foto de Robson Franzoi (blog – Um Viajante)

Lógico que não perdemos a chance de posar de ricos. Puro glamour. Foto de Robson Franzoi.

Lógico que não perdemos a chance de posar de ricos. Puro glamour.

 

E a ida no trem normal custa R$65. Olha, o trem por um lado é mais divertido, pois as janelas abrem e você pode tirar fotos melhores. Na verdade, em teoria, você não pode ficar colocando a cabeça para fora da janela, mas né? Em se tratando de Brasil, o que vocês acham que acontece? Mas, por favor! Tomem cuidado com as árvores e com os túneis. Outra coisa (mas não sei se era só no meu trem) é que o barulho do freio era algo insuportável. Voltei morrendo de dor de cabeça para casa.

Trem para Morretes

E esse é o trem

No fim, achei as duas experiências válidas. Recomendo as duas, dependendo obviamente de quanto cada um quer gastar no passeio.

Lanche servido a bordo da litorina. No trem, só não vi o polenguinho e não serviram cerveja.

Lanche servido a bordo da litorina. No trem, só não vi o polenguinho e não serviram cerveja.

O que fazer em Morretes

Comer barreado. Se você é vegetariano, só tenho algo a dizer – sinto muito. Esse é o prato típico da região, acho até que o mais famoso do Paraná. É uma carne desfiada que é cozida em panela de barro e você come com farinha de mandioca e banana. Bom, eu como com arroz mesmo, mas aparentemente faço tudo errado.

Barreado

O famoso Barreado

Morretes é minúscula, mas tem o rio Nhundiaquara. Se estiver calor, você pode até descer o rio de bóia. Cansei de fazer isso quando era criança. Hoje não faço por motivos de frescura e achar que a água é gelada, mas é um dos programas imperdíveis da região.

E, ainda dá para dar uma voltinha no centro histórico, fazer umas comprinhas (espero que você goste de bala de banana). É basicamente isso que tem para fazer por lá, mas como o trem chega lá por meio-dia, para poder aproveitar a cidade, é melhor voltar de van ou ônibus.

Vídeo do Passeio de Trem em Morretes

Como imagens valem mais do que mil palavras, fiz um vídeo do passeio. Espero que gostem!

Blogueiros reunidos

Blogueiros reunidos

Passeio de trem para Morretes from Preciso Viajar on Vimeo.

 

Para informações de preços e horários, visite o site da Serra Verde Express.

Foto em destaque é do Robson Franzoi do blog Um Viajante.

Agradecemos o convite dos nossos parceiros, colaboradores e da Serra Verde Express para a realização dos passeios de litorina e trem. O passeio foi cortesia, mas a opinião é extremamente pessoal.

barrinha curitiblogando

 

Participaram da 1º edição do Curitiblogando, que ocorreu entre 28 e 31 de março de 2013:

Anna Martinelli e Mariana Fachin (Preciso Viajar), Jr Caimi (TipTrip Viagens).

Blogueiras convidadas: Erika Marques (Outros Ares) e Renata Campos (Revivendo Viagens).

A organização das atividades do primeiro encontro dos blogueiros contou com os seguintes parceiros: CCVB – Curitiba Convention Visitors BureauPG1 Comunicação e AssessoriaIEME ComunicaçãoHome City Home,  Vacanze Viaggio. Também tivemos como colaboradores: Forneria CopacabanaRestaurante MadalossoCold StoneSerra Verde ExpressDuc ClubBazar Doce Pâtisserie Cervejaria Devassa.

22 comentários
0

Artigos Relacionados

22 comentários

Leidinara 21 de abril de 2013 - 23:17

Hum.. deu uma vontade daqueles bolinhos de Siri de novo!

Reply
Fernanda 22 de abril de 2013 - 20:09

Eu deixei um post só para falar dos bolinhos de siri.

Reply
Zupper Viagens 22 de abril de 2013 - 14:56

Post bem legal. Já tínhamos ouvido falar desse passeio de trem, mas a impressão que fica é de algo um tanto quanto surreal. Mas ver uma postagem recente, detalhada sobre os serviços e as diferentes formas de fazê-lo (trem x litorina), faz a coisa toda se tornar mais real, não é? O mais impressionante foi a foto de todos vocês, super estilosos, no vagão luxo. Inacreditável a decoração e as poltronas. Lembra um pouco aquele filme do Will Smith, As Loucas Aventuras de James West, rs. Muuuuito Bom! Parabéns!

Reply
Fernanda 22 de abril de 2013 - 20:11

Aham! Fiquei impressionada com o vagão luxo. Sabia que rola até peça de teatro lá durante alguns dias da semana? Considerando que não temos trem no Brasil como meio efetivo de transporte, sugiro muito o passeio, nem que seja pela experiência de andar de trem (mesmo ele sendo lento e tendo como objetivo o passeio, vista panorâmica e etc.)

Reply
Junior 22 de abril de 2013 - 23:11

Legal, gostaria de ter ido junto! 🙂

Reply
Cristiane 24 de abril de 2013 - 13:21

Olá Fernanda. Gostaria de uma opinião. Vc acha que vale a pena ir de van e voltar de trem? É que a Serra Verde esta com uma promoção bacana, mas nestas condições. Obrigada!

Reply
Fernanda 24 de abril de 2013 - 13:26

Também dá. É o mesmo caminho que o trem faz. Só que aí você terá que voltar um pouco mais cedo para conseguir ver a estrada. Se voltar de noite, não dá para ver nada.

Reply
Vanessa 15 de maio de 2013 - 15:08

Fernanda, adorei seu relato. Já estava pretendendo fazer esse passeio em julho, mas ainda não decidi se comprarei um pacote (provavelmente sim). Porém, estou em dúvida sobre o pacote Morretes e Antonina, ou se ao invés de Antonina vou pra Paranaguá? Tem alguma opinião/conselho? 🙂

Beijo,
Vanessa

Reply
Fernanda 15 de maio de 2013 - 15:09

Antonina. Paranaguá não é muito interessante não (seria interessante só se você fosse para a Ilha do Mel).

Reply
Vanessa 15 de maio de 2013 - 15:31

Oba, está decidido então. Eu estava realmente num dilema em relação a isso. 🙂 Obrigada novamente!

Beijo!

Reply
Camila 20 de maio de 2014 - 19:08

Olá Fernanda! Parabéns pelo post!
Vou a Curitiba neste fds (23/05) e tenho umas dúvidas:

1- é necessário comprar a passagem antecipadamente pela internet? Ou seja, corro o risco de ficar sem ou de só sobrarem as mais caras se eu deixar para comprar no centro de Curitiba no dia do passeio?

2- vi umas fotos de Antonina e parece mais do mesmo que Morretes. O que vc sugere somente Morretes ou Morretes + Antonina?

Me ajuda!rs
Obrigada e parabéns pelo blog!

Reply
Fernanda 22 de maio de 2014 - 21:52

Então, eu acho mais do mesmo sim. E dá para comprar na hora o bilhete.

Reply
fatima 25 de junho de 2014 - 16:57

Me ajude nesta situação, foi ficar em Antonina no natal/2014, não irei de carro, como faço para curtir esse trem de Curitiba a Morretes. Pois teria que sair deAntonina ir ate Curitiba e depois voltar para Antonina, vai ficar muito gasto. tem como pegar esse trem em Antonina?
Grata

Reply
Fernanda 26 de junho de 2014 - 10:47

Não, o trem só faz o trajeto Curitiba – Morretes – Curitiba.

Reply
Ada Correa 1 de dezembro de 2014 - 11:53

Pretendo fazer o passeio de trem Curitiba-Morretes e retornar de ônibus ou van . A compra desta volta é no mesmo local da compra do bilhete do trem(estação ferroviária ?) Obrigada.

Reply
Fernanda 1 de dezembro de 2014 - 21:23

Dá para comprar lá mesmo. Eles têm uns pacotes ou comprar só a ida e comprar a volta lá mesmo em Morretes. Tem muita gente vendendo a volta via van. Ônibus dá para comprar na rodoviária mesmo.

Reply
Rachel 12 de dezembro de 2014 - 22:25

Oi Fernanda tudo bem?
Estou pensando em fazer o passeio ao contrario, ir de ônibus e voltar de trem… tem algum ponto negativo? Desde já agradeço

Reply
Fernanda 15 de dezembro de 2014 - 23:32

Tem. Os horários dos trens da volta.

Reply
Marcia 14 de abril de 2015 - 00:35

Oi Fernanda, vou no feriado de 1 de Maio de 2015, me informei no serra verde express e ela falou que tem poucas vagas. Me pareceu conversa para comprar logo pela internet. Se deixar pra comprar lá, será que corro o risco de ficar sem o bilhete do trem.
E se isso ocorrer, existe a possibilidade de fazer esse passeio ida e volta de van?

Reply
Fernanda 14 de abril de 2015 - 10:46

Oi. Os passeios lotam mesmo em feriados. Acho que era verdade sim. De Van ida e volta não sei se tem pacotes. Dá para ir de carro também.

Reply
Sueli 1 de junho de 2015 - 15:59

Oi, Fernanda gostei das suas dicas mas preciso de uma ajuda para decidir minha compra.
A Serra Verde ta fazendo uma promoção indo de van e voltando no trem das 15h . Você acha que 15h é muito tarde para ver a paisagem?
Obrigada

Reply
Fernanda 1 de junho de 2015 - 23:23

Tá escurecendo cedo, mas daria tempo de ver a serra sim.

Reply

Deixe um Comentário