Home Destinos InternacionaisEuropaPortugalLisboa Principais Pontos Turísticos de Lisboa

Principais Pontos Turísticos de Lisboa

por Fernanda

Atualizado em

Saiba quais são os principais pontos turísticos em Lisboa. Lisboa é também conhecida como Cidade das Sete Colinas e é uma cidade bem eclética e com atrações para todos os gostos. Gosta de história? Então vai amar Lisboa. Prefere atrações naturais? Lisboa tem paisagens cinematográficas. Quer comer e beber bem? Em Lisboa eu garanto que é impossível manter a dieta: seja com os deliciosos pratos de bacalhau e frutos do mar ou com os doces divinos (olá, pastel de Belém!).  Uma coisa é certa: é fácil se apaixonar por Lisboa.

Fazer turismo na capital portuguesa é muito tranquilo, já que o transporte público é muito eficiente e grande parte das atrações turísticas estão concentradas na região central. E as que não estão no centro são facilmente acessadas via metrô, bonde ou ônibus.

Principais Pontos Turísticos em Lisboa

Para facilitar, vou dividir as principais atrações turísticas por região, assim fica mais fácil planejar o seu roteiro em Lisboa. Além das atrações mega populares (os famosos cartões postais) coloco também algumas dicas “insider”, lugares ainda nem tão famosos e que merecem a visita.

  • Região de Belém
  • Baixa e Rossio
  • Alfama, Castelo e Graça
  • Bairro Alto e Chiado
  • Cais do Sodré
  • Marquês de Pombal e Avenida da Liberdade
  • Oriente

Pontos Turísticos em Lisboa: Região de Belém

Visitar Belém é quase como voltar ao tempo, mais precisamente ao tempo da Era dos Descobrimentos. Essa região é parte importantíssima da História de Portugal. Há muitas atrações em Belém. Analise com calma quais pretende visitar e encaixe-as no seu roteiro de acordo com a sua disponibilidade de tempo.

A região de Belém é um pouco afastada do Centro Histórico de Lisboa, mas você consegue chegar lá utilizando o transporte público com muita facilidade.  Eu gosto de pegar o “elétrico” 15E, ou o bonde 15E como falamos aqui no Brasil lá na Praça do Comércio. Desço na parada chamada Mosteiro dos Jerônimos e de lá começo meu passeio pela região de Belém.

Mosteiro dos Jerônimos

Uma das grandes obras do período Manuelino e patrimônio da Unesco, o Mosteiro dos Jerônimos é certamente uma das atrações turísticas mais bonitas de Lisboa. O Mosteiro dos Jerônimos já foi habitado por monges da Ordem de São Jerônimo (tá aí a explicação do nome). Durante quatro séculos o trabalho espiritual dos monges foi rezar pela alma do rei e confortar marinheiros. Essa é uma das atrações mais concorridas de Lisboa, então sugiro comprar um ingresso fura-fila da bilheteria com antecedência. Veja como comprar o seu ingresso fura-fila Mosteiro dos Jerônimos. 

Leia mais sobre o Mosteiro dos Jerônimos.

pontos turísticos em lisboa

Mosteiro dos Jerônimos

Padrão dos Descobrimentos

Inaugurado em 1960, no 500º aniversário da morte de Henrique, o Navegador. O Padrão dos Descobrimentos homenageia várias figuras portuguesas que fizeram a diferença na época das Grandes Navegações. Dom Henrique, Vasco da Gama, Fernão de Magalhães são alguns dos homenageados no monumento. Embora todo mundo tenha o costume de olhar para cima quando chega no Padrão dos Descobrimentos, minha dica é que você também olhe para baixo, para o chão, no caso. O mosaico ilustra toda a rota dos navegadores portugueses. É possível subir até o topo (o ingresso é pago) para admirar uma vista belíssima do rio Tejo.

pontos turísticos em lisboaTorre de Belém

A Torre de Belém dispensa apresentações. É o principal cartão postal de Lisboa e atração que resume o período das Grandes Navegações. É lindíssima. Caso queira, é possível subir na Torre de Belém mediante pagamento. Já adianto que a escada é em espiral e bem estreita. E a fila para subir é enorme. A recompensa? Uma vista incrível!

pontos turísticos em lisboa

Torre de Belém

Ponte 25 de Abril

A Ponte 25 de Abril carrega um pouco da história de Portugal. Antigamente chamada de Ponte de Salazar,  só recebeu o nome 25 de Abril na Revolução dos Cravos (25/04/74). Essa revolução resultou no fim da ditadura e dia 25 de abril é feriado em Portugal. É uma ponte imponente e pode ser observada de diversas regiões de Lisboa, inclusive centro histórico (Praça do Comércio) e Belém.

melhor época para viajar para lisboa

Ponte 25 de Abril

MAAT

O MAAT (Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia de Lisboa) é um dos meus lugares favoritos em Lisboa. Ele foi inaugurado em 2016 e impressiona por conta de sua arquitetura. E é mais um lugar que oferece vistas privilegiadas do rio Tejo e Ponte 25 de Abril. Por dentro,  seu acervo conta com obras de mais de 250 artistas portugueses. Vale a visita.

maat lisboa

Dicas Belém:

  • Uma vez em Belém, aproveite para comer o Pastel de Belém original. Vá até a Antiga Confeitaria de Belém que produz os pastéis desde 1837. As filas na porta costumam assustar, mas andam rápido. De qualquer maneira, sugiro entrar e pegar uma mesa. O preço do pastel é o mesmo “take away” ou para comer lá dentro.
  • Caso as filas para pegar o Elétrico 15E estejam muito grandes na Praça do Comércio, pergunte onde fica a parada do ônibus 728. As filas são menores.
  • Caso goste de museus, há ainda as seguintes opções na região: Museu Nacional dos Coches, Museu de Marinha e Museu Coleção Berardo.
  • Um passeio interessante em Belém é ir andando pela orla do Tejo do Padrão dos Descobrimentos até a Torre de Belém.
  • Faça um passeio de veleiro pelo Tejo (saída da Doca de Belém).

Pontos Turísticos em Lisboa: Baixa e Rossio

Essa é a região que foi reconstruída após o grande terremoto de 1755 que destruiu boa parte de Lisboa.  Se você ainda não escolheu onde ficar em Lisboa, a minha sugestão é ficar na região da Baixa e Rossio, pois é a melhor localização para hospedagem em Lisboa. Ficando perto da Praça dos Restauradores, Praça Dom Pedro IV (Rossio) e/ou Praça do Comércio pode-se visitar muitas atrações a pé. Eu já fiquei no Hostel Travellers House eleito um dos melhores hostels do mundo (RESERVE AQUI) e no Hotel Brown’s Downtown (RESERVE AQUI). Outras boas opções na região são: Hotel My Story Rossio  (RESERVE AQUI) que tem uma localização imbatível na praça do Rossio e o Rossio Garden (RESERVE AQUI), Internacional Design Hotel (RESERVE AQUI) e Residencial Florescente (RESERVE AQUI).

Praça do Comércio

A Praça do Comércio é o coração de Lisboa e uma das praças mais bonitas que já vi. Com um arco central, edifícios coloniais para deixar qualquer um de queixo caído e o constante vai e vem dos bondes, a Praça do Comércio encanta milhares de turistas. Vale a pena subir no Arco da Vitória (Rua Augusta).

onde ficar em Lisboa

Praça do Comércio

Praça do Rossio

A Praça do Rossio  é uma das principais praças de Lisboa. O movimento é constante. Dica: olhe para o chão. O desenho das pedras portuguesas no calçadão simboliza o encontro do Rio Tejo com o Oceano Atlântico. Foi do Rossio que surgiu a inspiração para o Calçadão de Copacabana.

Elevador de Santa Justa

O elevador de Santa Justa é neogótico e é uma obra de Raul Mésnier, um aprendiz de Gustave Eiffel. A fila do elevador de Santa Justa é para os fortes, portanto, se quiser subir, vá cedo. Lá de cima é possível ter uma visão maravilhosa de Lisboa.

Dicas Baixa e Rossio:

  • Suba no Arco da Rua Augusta. Visão 360 do centro de Lisboa e custa apenas €3;
  • Prove o bolinho de bacalhau com queijo da Serra da Estrela na Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau;
  • Na Rua dos Sapateiros (a mesma rua do Hotel Brown’s Downtown) fica o meu restaurante favorito em Lisboa: A Licorista e o Bacalhoeiro. Prove o bacalhau. É muito bom!
  • Se não tiver paciência para a fila do Elevador de Santa Justa é possível ter uma visão quase idêntica (e de graça) na entrada do Largo do Carmo.
  • Dê um passeio no clássico Bonde 28. Ele passa por muitos pontos turísticos de Lisboa.

Pontos Turísticos em Lisboa: Alfama, Castelo e Graça

Aqui está a Lisboa do seu imaginário, aquela Lisboa que um dia você viu em um cartão postal ou em capa de revista. No alto, um castelo mouro. E no meio do caminho ruelas estreitas que reservam alguns mirantes e muitos edifícios antigos. Os varais estendidos pelas fachadas dos edifícios faz parte do cenário e a trilha sonora é o fado.

Castelo de São Jorge

O castelo data do século 11, quando os mouros ainda dominavam a capital portuguesa e a Fortaleza era o coração da cidadela. O Castelo de São Jorge presenciou diversas batalhas e é parte importante da história de Lisboa. Chegue cedo ou vá no final do dia, pois é uma atração muito concorrida. De lá é possível ter uma vista panorâmica da cidade. Dica: pegue um mapa na entrada. Vai facilitar o seu passeio.

castelo são jorge lisboa

Castelo São Jorge Lisboa

Sé de Lisboa

Um dos grandes ícones de Lisboa, a catedral da Sé foi construída em 1150 no lugar de uma mesquita logo após os cristãos reconquistarem Lisboa. Ela foi restaurada na década de 1930. Bonita por fora e por dentro, a Sé de Lisboa definitivamente vale a sua visita.

A Sé de Lisboa

A Sé de Lisboa e o elétrico (bonde)

Panteão Nacional

O Panteão Nacional foi projetado para ser uma igreja e tem estilo barroco. Hoje o Panteão é um monumento em homenagem aos heróis e figuras populares portuguesas, entre eles Vasco da Gama e Amália Rodrigues.

Alfama

Não tem como falar de Lisboa e não falar de Alfama e seu amontoado de becos e ruelas. O fado é a trilha sonora do local. Não esqueça de observar todos aquelas varais com roupas balançando. Isso é Lisboa! Vale a pena assistir a um show de Fado em Alfama. 

alfama lisboa

Alfama

Miradouro de Santa Luzia

O Miradouro (mirante) de Santa Luzia garante vistas esplêndidas de Lisboa. Fica na Rua do Limoeiro. Observe os azulejos que retratam cenas do Cerco de Lisboa em 1147.

miradouro de santa luziaPontos Turísticos em Lisboa: Bairro Alto e Chiado

O Bairro Alto é o bairro mais festeiro de Lisboa e uma ótima opção para tomar uns tragos (como diriam os portugueses) ou para comer uma comida típica e autêntica. Já o vizinho Chiado fica na parte baixa e é também uma ótima opção para hospedagem em Lisboa. Do Chiado você pode ir a pé para a região da Baixa, para o Bairro Alto, Cais do Sodré e Príncipe Real. Dicas de hotéis no Chiado: Hotel Borges Chiado (RESERVE AQUI), Alecrim ao Chiado (RESERVE AQUI), Hotel do Chiado (RESERVE AQUI) e Lisboa Pessoa Hotel (RESERVE AQUI).

Convento do Carmo

Convento do Carmo foi quase totalmente destruído no terremoto de 1755. E o pouco que sobrou é exatamente o que faz dele tão interessante. Sabe aquela música “Era uma casa muito engraçada. Não tinha teto. Não tinha nada”. É mais ou menos o Convento do Carmo. Hoje as ruínas do Carmo abrigam o Museu Arqueológico do Carmo. Leia mais sobre o Convento do Carmo.

convento do carmo em lisboa

Elevador da Bica

O Elevador da Bica, também conhecido como Ascensor da Bica, é um funicular localizado na Rua da Bica de Duarte Belo. Quem opera o elevador é a Carris. Ele faz a ligação entre a Rua de São Paulo e o Largo do Calhariz. É outro cartão postal muito fotografado em Lisboa.

elevador da bica

Dicas Bairro Alto e Chiado:

  • Tire a clássica foto “com o Fernando Pessoa” em frente ao Café A Brasileira (grátis);
  • Visite o Mirante de Santa Catarina (também conhecido como Adamastor) (grátis);
  • Aprecie Lisboa do alto do shopping Armazéns do Chiado. Vá ao quinto andar (grátis);
  • Coma o melhor pastel de nata da cidade na Manteigaria.

Pontos Turísticos em Lisboa: Cais do Sodré

O Cais do Sodré sempre foi uma região importante em Lisboa. Já abrigou uma zona de construção de navios e foi uma área portuária. Hoje é uma área bastante popular por conta de suas baladas. O Cais do Sodré ferve durante a madrugada, mas também é possível conhecer algumas atrações durante o dia.

Mercado da Ribeira

O Mercado da Ribeira existe desde 1882, mas ficou famoso em 2014 depois que a revista Time Out transformou boa parte dele em uma enorme praça de alimentação gourmet com alguns restaurantes de chefs portugueses famosos. As mesas são compartilhadas e há opções para todos os gostos.

mercado ribeira lisboaRua Cor de Rosa

A Rua Cor de Rosa ou Pink Street é uma rua badalada do Cais do Sodré. É famosa por causa de seus bares, mas mesmo que não passe por lá durante a noite, vale a pena dar uma espiada e tirar aquela foto clássica pegando o cenário todo colorido (sim, a rua é pintada de rosa). Fica bem pertinho do Cais do Sodré.

Dicas Cais do Sodré:

  • Se estiver com tempo sobrando, pegue o trem e vá conhecer Cascais e a Boca do Inferno;
  • Veja Lisboa por outro ângulo (do outro lado da ponte). Pegue um ferry para Cacilhas e conheça o Cristo Rei.

Atrações Turísticas em Lisboa: Marquês de Pombal e Avenida da Liberdade

Essa é uma ótima região para hospedagem em Lisboa. Eu geralmente fico no Marquês de Pombal, pois tem fácil acesso à Baixa e é uma região um pouco mais barata. Alguns hotéis que já fiquei na região: Hotel Exe Liberdade (novinho e muito, muito bom) – (RESERVE AQUI), no Hotel Ibis Styles (RESERVE AQUI), no HF Fenix Garden (RESERVE AQUI) e no Ibis Liberdade e gostei bastante (RESERVE AQUI). Ele fica a poucas quadras da avenida de mesmo nome.

Avenida da Liberdade

Se Londres tem a Regent St e Paris tem a Champs-Élysées,  Lisboa tem a Avenida da Liberdade. A avenida liga a Praça dos Restauradores até a rotunda do Marquês de Pombal.

Parque Eduardo VII

O Parque Eduardo VII é um dos maiores parques da cidade e tem um canteiro inclinado com vistas espetaculares da Praça Marquês de Pombal e do Tejo.

parque eduardo vii

Dicas Marquês de Pombal e Avenida da Liberdade:

  • Próximo do Marquês fica o El Corte Inglés (loja espanhola de departamentos). Turistas ganham 10% de desconto apresentando o passaporte no Centro de Atendimento.
  • O Shopping Amoreiras fica na região e é um ótimo lugar para compras e também oferece um mirante com uma vista maravilhosa da cidade (€5).
  • Tome um drink no bar do terraço do Hotel Tivoli (Sky Bar) e aprecie lindas vistas.
  • Aprecie a arquitetura dos prédios da Avenida da Liberdade.

Atrações Turísticas em Lisboa: Oriente

Muita gente acaba nem visitando essa moderna região de Lisboa, achando que o Oriente se resume apenas ao Oceanário. Recomendo conhecer a belíssima estação de trem Gare do Oriente e depois passear pelo Parque das Nações e Pavilhão do Conhecimento. Essa é também uma ótima região gastronômica e de compras.

Ponte Vasco da Gama

A Ponte Vasco da Gama é a ponte mais longa da Europa e também tem seu charme, apesar de não ser tão famosa como a Ponte 25 de Abril.

pontos turísticos em lisboa

Parque das Nações

O Parque das Nações surgiu durante a Expo de 98 e desde então oferece uma ampla gama de atrativos para os lisboetas e turistas. É uma área ótima para fazer uma caminhada, tomar um café, almoçar e jantar. Fica às margens do Rio Tejo.

Teleférico

O Teleférico do Parque das Nações oferece vistas muito bonitas do Rio Tejo e do Parque das Nações. É um passeio curto (dura uns 10 minutos), mas se o dia estiver ensolarado vale a pena fazer.

pontos turísticos em lisboa

Esses são só alguns dos pontos turísticos em Lisboa. A capital portuguesa é encantadora e tem muita coisa para ser vista. Aproveite seus dias por lá. Veja minha sugestão de roteiro para 3 dias em Lisboa.

Leia mais sobre Lisboa

19 comentários
0

Artigos Relacionados

19 comentários

Aninha Lima 15 de julho de 2019 - 19:42

Eu amei que você dividiu os Pontos Turísticos de Lisboa por regiões.

Portugal está no meu radar nesse momento, mas confesso que eu tinha achado muitos posts confusos, que não me ajudavam a organizar os Pontos por proximidade. Valeu!!!

Reply
Fernanda 16 de julho de 2019 - 07:02

Acho mais fácil organizar por regiões, porque aí a pessoa bate o olho e já vê o que quer visitar em cada região.

Reply
Paula Augot 15 de julho de 2019 - 20:06

Excelente post com os pontos turísticos de Lisboa! O Mercado da Ribeira a primeira vez que eu fui, era bem diferente mesmo, lá por 2009 e 2010, quando voltei quase não reconheci

Reply
Fernanda 16 de julho de 2019 - 07:03

Sim, o Mercado da Ribeira foi atingido pelo flash da gourmetização. Mas apesar de tudo eu adoro.

Reply
Cristina 16 de julho de 2019 - 00:22

Uau! Tem tanto coisa boa pra fazer em Lisboa né? Adorei essa lista dos principais pontos turísticos de Lisboa! Quero voltar pra conhecer todos!

Reply
Fernanda 16 de julho de 2019 - 07:04

Tem muita coisa para conhecer em Lisboa. Sou suspeita, porque amo a cidade.

Reply
Luciana Rodrigues 16 de julho de 2019 - 04:41

Lembro da primeira vez em Lisboa e, ao ver o Padrão do Descobrimento, parece que passou uma novela do Descobrimento do Brasil na minha cabeça. Um lugar que também curto bastante é a Fundação Calouste Gulbenkian.

Reply
Fernanda 16 de julho de 2019 - 07:04

Sim, a Fundação é bem legal mesmo. Lembrei agora que esqueci de colocá-la no post.

Reply
Angela C S Anna 16 de julho de 2019 - 05:49

Lisboa tem tanta coisa legal pra fazer né! achei super fofinha, principalmente a area do centro perto do elevador e em Belem. com ctz tem muita comida gostosa, pena que fiquei um dia

Reply
Fernanda 16 de julho de 2019 - 07:05

O que mais tem é comida gostosa em Lisboa.

Reply
Ruthia Portelinha 17 de julho de 2019 - 03:34

O seu roteiro em Lisboa ficou muito completo. Parabéns! Tenho uma dica para quem visita Lisboa no Verão. Pode conhecer o lindo Convento do Carmo durante o espectáculo noturno “Lisboa under the stars”. É lindo demais. Sugiro ainda, na Praça do Rossio, fazer uma visita à Igreja de São Domingos, que mantém vestígios do terremoto de 1755 e incêndios que lhe seguiu.
Abraço desde Portugal

Reply
Fernanda 17 de julho de 2019 - 09:31

Quero muito ver o “Lisboa under the stars”. Ótima dica da igreja São Domingos. Obrigada!

Reply
Diego Arena 17 de julho de 2019 - 13:33

Já passou da hora de eu conhecer Lisboa e Portugal, esse prédio do MAAT está na minha lista de prédios que quero conhecer um dia. Ótimas dicas

Reply
Fernanda 18 de julho de 2019 - 08:41

O MAAT é lindo mesmo. Vale a pena conhecer.

Reply
Maria C 18 de julho de 2019 - 09:08

É só rever os pontos turísticos de Lisboa que a vontade de comprar uma passagem vem do fundo da alma, rs… Que cidade apaixonante! Adorei o post!

Reply
Deisy Rodrigues 19 de julho de 2019 - 02:33

Adorei o post, ainda mais a divisão por região, ainda não conheço Lisboa, mas espero tirar da lista em breve, uma coisa certa é que vou voltar com muitas calorias de pastel de belém.

Reply
Fernanda 19 de julho de 2019 - 18:16

Serão as melhores calorias da viagem. Certeza! Amo os pastéis de nata de Lisboa, em especial os da Manteigaria.

Reply
Ana Carolina 20 de julho de 2019 - 14:59

Lisboa é uma cidade encantadora! Já conheço algum desses lugares E já anotei outros pois vou para Lisboa no fim do ano

Reply
Fernanda 20 de julho de 2019 - 20:37

Lisboa é demais mesmo. Eu amo!

Reply

Deixe um Comentário