Home Destinos InternacionaisEuropaItália Sugestões de passeios bate-volta desde Florença

Sugestões de passeios bate-volta desde Florença

por Fernanda

Atualizado em

Florença é – na minha opinião – uma das cidades mais encantadoras da Itália. Além de ser uma ótima base para quem quer conhecer outras cidades da região da Toscana. Listo aqui algumas sugestões de bate-volta desde Florença para ir de ônibus, trem ou carro.

Bate-volta desde Florença

Lucca

Lucca é meu bate-volta preferido de Florença. Lucca é um charme só. A cidade murada medieval é super conservada e não é tão lotada de turistas como suas “primas” mais famosas. Você pode percorrer Lucca a pé ou então alugar uma bicicleta.

bate-volta desde florença

Lucca

Como chegar: trem desde Florença (estação Santa Maria Novella).

Pisa

Eu acho que as pessoas subestimam Pisa. A minha opinião é de que a parte visitada pelos turistas (torre inclinada) nem é tão impressionante assim. O centrinho de Pisa é bem simpático e a cidade merece mais do que meia dúzia de fotos engraçadinhas perto da torre.

bate-volta desde florença

Torre de Pisa

De qualquer maneira, você consegue visitar Lucca e Pisa no mesmo dia.

Como chegar: trem desde Florença (estação Santa Maria Novella).

bate-volta desde florença

Pisa

Siena

Acredito que o bate-volta desde Florença até Siena seja o mais popular de todos. Siena e Florença já foram adversárias históricas e existe uma certa rivalidade até os dias de hoje.

Diz a lenda que Siena foi fundada pelo filho de Remo (sim, aquele mesmo da dupla Rômulo e Remo – os gêmeos – alimentados pela loba). De qualquer maneira, acredita-se que Siena tenha origem etrusca e só se tornou uma cidade de verdade no século 1 a.C, quando os romanos chegaram e criaram uma base militar chamada Siena Julia.

bate-volta desde florença

Siena

Siena é menor e menos lotada que Florença, por isso alguns turistas acabam tendo preferência por ela. A principal atração de Siena é a Piazza del Campo ou simplesmente Il Campo, o coração da cidade. Outra atração imperdível é a Duomo. O interior da igreja é realmente impressionante. Vale a pena entrar.

Como chegar: ônibus. A rodoviária fica atrás da estação de trem Santa Maria Novella.

bate-volta desde florença

San Gimignano

San Gimignano fica no alto de uma colina e também é conhecida como a “Manhattan” da Toscana, por causa de suas torres que podem ser avistadas de longe. Mas de Manhattan só o apelido mesmo. A cidade é minúscula e conserva sua arquitetura medieval. As torres medievais formam um horizonte lindo e paisagens dignas de filme.

bate-volta desde florença

San Gimignano

Como chegar: a melhor opção seria de carro. De transporte público há duas opções:  1) fazer um passeio combinado Siena e San Gimignano. Em Siena pegue a linha 130 de ônibus para San Gimignano. 2)  caso queira sair direto de Florença, pegue um ônibus ou trem até Poggibonsi. De lá pegue um ônibus até San Gimignano.

bate-volta desde florença

Vista de San Gimignano

Monteriggioni

Outra cidade medieval que fica no topo de uma colina e é um colírio para os olhos dos turistas. Para conhecer Monteriggioni você tem que cruzar seu portão medieval. É tudo tão bem preservado que parece que você entrou no túnel do tempo.

bate-volta desde florença

Monteriggioni

Como chegar: a melhor opção seria carro. Assim como San Gimignano não há ônibus diretos desde Florença. Você tem que pegar um ônibus ou trem até Poggibonsi e de lá outro ônibus até Monteriggioni.

Outra opção seria contratar um passeio guiado (excursão).

Chianti

A região de Chianti é certamente a região mais fotogênica da Toscana. É por lá que se produzem as uvas usadas no famoso vinho Chianti. Vale a pena explorar a região e conhecer algumas das vinícolas. Eu conheci a Tenuta del Palagio e a Santa Margherita. Também dei uma esticada até a fofíssima Greve in Chianti, uma cidade encantadora.

bate-volta desde florença

Vinhedos de Chianti

Como chegar: carro ou passeios de excursão (recomendo o último principalmente se quiser fazer degustações nas vinícolas).

Bolonha

Bolonha não fica na Toscana e sim na região da Emilia Romagna, mas também é uma opção de bate-volta desde Florença porque há trens rápidos que fazem o trajeto em 35 minutos. Bolonha, cidade dos pórticos, é vibrante e abriga a universidade mais antiga da Europa. Além disso tem como apelido “La Grassa” (A Gorda) e tem a fama de ter a melhor comida da Itália.

bate-volta desde florençaComo chegar: trem desde Florença (estação Santa Maria Novella). Veja todas as dicas para viajar de trem na Itália.

Cinque Terre

Esse é o bate-volta desde Florença mais puxado, mas ainda sou da opinião de que é melhor conhecer Cinque Terre em um dia do que não conhecer. Em tempo: Cinque Terre fica em outra região italiana chamada Liguria.

O que posso dizer é que Cinque Terre é um dos lugares mais bonitos que já vi no mundo, então se você tiver um tempinho sobrando e a previsão do tempo estiver favorável, não tenha dúvidas: vá!

viagem para cinque terreComo chegar: trem até La Spezia e de lá trem regional para as “terras”. Outra opção é contratar um passeio de excursão. Veja aqui todas as dicas de Cinque Terre.

Outras opções de bate-volta desde Florença que parecem interessantes, mas não tive a oportunidade de fazer são: Arezzo, Volterra, Livoio, Pistoia, Cortona.

Artigos Relacionados

2 comentários

Cristina Nadai 8 de julho de 2019 - 23:05

Olá vou p Itália 29/07 primeiro ficarei em Roma casa de amigos, mas pretendo conhecer Milão florença e Paris. Vou eu e minha filha e queria ser econômica. Quais dicas vc me dá? Trem ou ônibus? Ficaremos uns 12 dias
Vou fazer o seguro assist card
Obrigado

Reply
Fernanda 9 de julho de 2019 - 01:03

Olá! De Milão para Florença eu recomendo ir de trem. Comprando com antecedência você consegue bons preços (sugiro comprar logo já que sua viagem está próxima). E da Itália para Paris eu sugiro ir de avião. Se conseguir, eu sugiro ir só com mala de mão para não pagar para despachar. Fiquei 3 semanas na Europa agora em maio só com a mala de mão e foi muito bom. Economizei bastante nos deslocamentos de avião sem precisar pagar a mala.

Reply

Deixe um Comentário